banner recrea3

Recreação infantil personalizada - Lista das brincadeiras mais comuns

O conjunto de brincadeiras a serem executas em cada evento de recreação infantil personalizada leva em consideração a idade, o espaço e quantidade de crianças à serem trabalhadas. É uma recreação participativa, onde o recreador convida e motiva as crianças a brincarem, contudo, o mesmo foca sua atenção às crianças que estiverem dispostas a brincarem. As atividades variam entre os níveis Agitado, Calmo e Moderado, na perspectiva de um melhor aproveitamento entre todos.

 

Calmo
Mímica – Disponibilizado material onde a criança visualiza o que deve imitar.
Gato Mia – Crianças são dispostas em roda, uma crianças fica vendada no centro da roda, as crianças rodam e cantam e quando param a criança vendada caminha em direção à uma das crianças e tenta adivinhar que é o colega apena pelo som do miado.
Continue a História – A recreadora começa a contar uma história, são distribuídos materiais que indicam em que perfil deve ser continuada a história se de terror, se carinhosa ou se de aventura, ao parar a história uma crianças deve continuar obedecendo o perfil indicado por outra criança.
Estátua – As crianças ficam dispostas enquanto uma criança controla a música sempre que a música parar o “mestre” falar estátua todos tem que parar, o último a parar sai da brincadeira.
Bolinha de Sabão – É distribuído material para produção de bolas de sabão para parte das crianças e para as demais crianças são distribuídas espadas, o intuito do jogo é estourar o maior número de bolhas de sabão antes que toquem ao chão, vence a equipe com o chão mais sequinho.
Roda de História – As crianças são dispostas em roda, a recreadora de maneira lúdica recria histórias infantis por meio de fantoches, livros e/ou outros materiais.
Oficina de Fita Artística – As crianças são convidadas a confeccionarem uma fita artística e/ou um foguete de fita, para posterior brincadeira com os objetos confeccionados.
Oficina de Massinha ou Argila – São oferecidos alguns pedacinhos de massinha e demais objetos para que as crianças brinquem e façam brinquedos de maneira livre. ( Esta brincadeira só é oferecida em caso que não haver o torta na cara. )
Telefone sem fio – Brincadeira tradicional, podendo receber variações e níveis de dificuldade de acordo com cada idade.
Desenho Maluco (Continue o Desenho) – As crianças ficam dispostas em roda de 4 crianças e começam a desenhar, ao sinal da recreadora, as crianças trocam de lugar e continuam o desenho do seu amigo sem saber o que ele estava tentando fazer, produzindo então um grande desenho maluco, no final cada um conta o que estava tentando fazer e o pensou ser o desenho do seu colega.
Jogo da Memória – Divididas em equipe, sentadas em círculo, as crianças a cada rodada escolhem um coleguinha para jogar, vence a equipe que mais acertos fizer.
Passa Bala – Esta brincadeira é a versão comível do antigo passa anel, onde, as crianças em roda, com as mãos juntas e a frente de seu corpo aguardam a passagem do colega com a bala na mão, este com a bala escolhe uma criança para depositar a bala em sua mão, é escolhida outra criança que tenta adivinhar em que mão está a bala, se a criança acertar ela ganha a bala para si, se não acertar a criança que escondeu a bala é quem ganha.
Detetive – Em roda, as crianças receberam em um papel a informação de qual personagem é, se o detetive, se o bandido, e a vítima, a brincadeira consiste em os detetives localizarem e prenderem o bandido antes que o mesmo faça muitas vítimas.
Moderado
Forme a Palavra – Divididos em equipes, as crianças recebem algumas sílabas misturadas onde juntas devem desvendar e formar a palavra antes da equipe adversária.
Boca de Palhaço – As crianças arremessão as bolas no intuito de fazer a bola entrar dentro da boca do palhaço, vence a criança que conseguir encaixar mais bolas.
Corrida do Chocolate – Uma versão mais saborosa da antiga corrida do ovo, esta corrida consiste nas crianças percorrerem uma trajetória com uma colher e uma bolinha de chocolate na boca, quem conseguir percorrer o trajeto sem derrubar o chocolate, ganha do doce para comer.
Basquete no Balde – As crianças divididas em equipe ficam atrás da linha demarcada e arremessão as bolas ao cesto, ganha a equipe que colocar o maior número de bolas no tempo determinado.
Batata Quente – Em roda, uma criança senta ao centro de olhos fechados, as demais crianças não passando a batata e dizendo ‘Batata quente, quente, quente’ até a criança do meio dizer ‘queimou’, neste momento a criança que estiver com a batata nas mãos vai ao centro da roda.
Batata Assustada – Em roda, as crianças vão passando a batata de mãos em mãos cantando, quando a recreadora gritar ‘Batata assustada ou Buuhh’ a batata deve seguir em sentido contrário, pegando o colega de surpresa, se o mesmo não estiver atento a brincadeira pagará uma prenda escolhida por todos.
Come Biscoito – Divididos em equipe as crianças são dispostas em fila, uma criança de cada equipe é escolhida para segurar a vara com um biscoito amarrado na ponta, a criança estará vendada, a primeira criança da fila, também vendada deve caminhar até o colega e tentar comer o biscoito, as demais crianças ajudam indicando a direção através de quente, frio, direita, esquerda, pra frente ou para trás, a equipe que cumprir primeiro a tarefa será a vencedora.
Boliche – Em fila, atrás do espaço demarcado, as crianças devem derrubar o maior número de pinos de boliche por jogada.
Amarelinha – Montada em EVA, deixado para livre acesso e brincadeira dos pequenos.
Coelhinho Vai pra Toca – Dispostos na quadra, apenas demarcados com números, as crianças caminham e dançam livremente ao som da recreadora ‘Coelinho vai para toca’, as crianças devem achar o seu par através do número igual, maior ou menor que o seu e de mão dadas chegar à toca, que será caracterizado por um bambolê ao chão, o par que não conseguir está fora da brincadeira.
Coelhinho Sai da Toca – São demarcados alguns espaços ao chão com bambolês, sempre haverá um bambolê a menos que a quantidade de crianças, ao som da recreadora ‘Coelhinho sai da toca’, as crianças devem correr e tentarem entrar em um bambolê de cor diferente a que estava anteriormente, a criança que não conseguir entrar na toca esta fora da brincadeira.
Rabo do Burro – Divididos em equipe, atrás da demarcação, as crianças vendadas devem tentar colocarem o rabo no burro apenas com o auxilio verbal dos colegas, a equipe que conseguir colocar o rabo no burro primeiro é a vencedora.
Jogo das Argolas – Divididos em equipe, atrás da demarcação, as crianças terão acertar as argolas nos alvos, vence a equipe que acertar todas as argolas primeiro.
Morto Vivo – Em uma linha reta as crianças devem obedecer ao comando do mestre e suas variações, a crianças que errar está fora.
Acerte ao Alvo – Divididos em equipe, as crianças tentam estourarem as bexigas com os dardos, cada bexiga tem uma pontuação, vence a equipe que atingir a maior pontuação na brincadeira.
Corre Cotia – Sentadas em círculo, de olhos fechadas e cantando, as crianças ficam e aguardar o fim da música para verem se foram escolhidas para pegar seu parceiro. Por sua vez, outra criança será escolhida para colocar a bola nas costa da crianças que escolher, ao fim da música, a criança que achar a bola em suas costas deve correr e tentar pegar o colega que colocou a bola, em contra partida a criança que colocou a bola deve dar uma volta completa no círculo e sentar no lugar do colega sem ser pego.
Corrida de Três Pernas – Atrás da demarcação, as crianças serão divididas em duplas, as crianças terão uma das pernas amarradas a outra perna do parceiro, ao sinal, devem percorrer o caminho descrito em conjunto, com 3 pernas, mantendo o equilíbrio, vence a dupla que chegar primeiro.
Agitado
Explosão – Divididas em equipe, as crianças terão bexigas amarradas aos pés, o jogo consiste em estourar a bexiga do adversário com os pés e proteger a sua, a equipe que tiver todas as suas bexigas estouradas primeiro, perde a brincadeira. Esta brincadeira pode ter variações de dificuldade dependendo da idade das crianças.
Jogo da Velha Humano – É montando um jogo da velha ao chão, divididas em equipe, atrás da demarcação, as crianças correm ao sinal da recreadora e colocam a bandeira no jogo, o jogo não tem fim se der ‘velha’, vence a equipe que conseguir colocar as suas bandeiras em diagonal, vertical ou horizontal, primeiro.
Corrida de Saco – Atrás da demarcação, dentro do saco, as crianças devem percorrer o trajeto indicado pulando, vence a crianças que percorrer o trajeto primeiro.
Dança da Cordinha – As crianças são desafiadas a passarem pela corda de maneiras distintas, indo ao seu limite, vence a crianças que conseguir chegar até o final.
Esconde – Esconde – Brincadeira tradicional, podendo receber variações e níveis de dificuldade de acordo com cada idade.
Queimada – Brincadeira tradicional, podendo receber variações e níveis de dificuldade de acordo com cada idade.
Dança da Cadeira – Brincadeira tradicional, podendo receber variações e níveis de dificuldade de acordo com cada idade.
Volei de Tecido – Divididas em equipe, a brincadeira consiste em arremessar com tecido a bexiga de água para outra equipe, que deve receber sem deixar cair ao chão, vence a equipe que menos derrubar as bexigas de água ao chão.
Cabo de Guerra – Brincadeira tradicional, podendo receber variações e níveis de dificuldade de acordo com cada idade.
Pula Corda – Brincadeira tradicional, podendo receber variações e níveis de dificuldade de acordo com cada idade.
Pega Pega Alienígena – As crianças ficam dispostas a vontade no espaço delimitado, uma criança será a pegadora, ao pegar o colega os mesmos seguem grudados, sucessivamente, criando um grande cordão alienígena.
Pega o Rabo – Divididos em em equipe, as crianças recebem um pedaço de papel ou fita que fixam a roupa, a brincadeira consiste e pegar o rabo do colega e proteger o seu, a equipe que perder todos os seus rabos antes perde a brincadeira.
Pega Bandeira – Brincadeira tradicional, podendo receber variações e níveis de dificuldade de acordo com cada idade.
Guerra de Bexigas – Divididas em equipe e em campus de batalha, a brincadeira consiste em acertar o adversário com a bexiga dágua, assim como evitar ser acertado pelas bexigas dáguas, vence a equipe mais sequinha ao fim da brincadeira.
Corrida do Bambole – Divididos em equipe, as crianças seguem em uma linha reta de mãos dadas, ao sinal da recreadora elas devem passar o bambolê pelo seu corpo sem soltarem as mãos, vence a equipe que executar todo o movimento em menor tempo.
Veste Balão – Divididas em equipe, uma crianças de cada equipe vestira a camiseta GG, as demais crianças permanecem em fica atrás do espaço demarcado, enchem as bexigas e correm e colocam em baixo da camiseta do colega, vence a equipe que colocar o maior número de bexigas dentro da camiseta de sua equipe, dentro do tempo determinado.
Torta na Cara – Divididas em equipes, as crianças respondem a perguntas que condizem com seu dia a dia, habitualmente relacionadas à desenhos animados, acriança que errar ou não responder a pergunta leva a torta na cara da crianças que respondeu a pergunta de maneira correta. Vence a equipe que levar menos tortada na cara.
Bala na Farinha – Divididas em equipe, as crianças vendadas procuram a bala em um prato cheio de farinha. Vence a equipe que achar o maior número de balas no tempo estipulado.
WhatsApp
Precisa de ajuda?